“Em frente à tela, de pincel na mão, num gesto guiado pela emoção, lanço as cores dos sentimentos, em movimentos de vai-vém entre o passado e o presente.”

Isabel Nunes

Madura, gestual, profunda, a pintura de Isabel Nunes texturiza os sentimentos mais autênticos do seu olhar sensível sobre o mundo e da sua relação muito particular com a tela. A sua obra está a atingir uma unicidade verdadeira e arrojada, desprovida de influências contaminantes, antes se assumindo como um caminho singular e promissor.
Manuel Carmo
Comissário do Museu da Água de Coimbra, 2008